Defesa contesta queixas sobre investigações do Araguaia | R7

17/07/2012 | 15h52

Ministério diz que parentes de desaparecidos têm total acesso às operações

O Ministério da Defesa emitiu nota nesta terça-feira (17), na qual contesta as informações veiculadas na imprensa sobre as buscas a desaparecidos políticos. Integrantes da Comissão da Verdade e parentes das vítimas têm reclamado da falta de transparência, o que é refutado pelo Ministério da Defesa.

— Não são verdadeiras as alegações de que os familiares de pessoas desaparecidas durante o conflito ocorrido na década de 70 estão impedidas de acompanhar o trabalho de busca. Na verdade, todas as expedições já realizadas no âmbito do GTA e do antigo Grupo de Trabalho Tocantins (GTT), de 2009 até hoje, são acompanhadas por familiares das vítimas da Guerrilha. Eles têm acesso a todos os locais de atividades do grupo, e ciência das informações que vão surgindo ao longo dos trabalhos.

A nota informa ainda que o GTA dispõe de todos os meios (físicos e financeiros) para cumprir suas tarefas. O Grupo é formado por uma equipe multidisciplinar de excelência, integrada por mestres e doutores em suas áreas de formação.  e que esses profissionais utilizam metodologia científica adequada e avançados meios tecnológicos para localizar e exumar restos mortais.

Ainda segundo a nota, as escavações são precedidas por trabalhos de coleta e sistematização de informações. Como fontes, são utilizados os relatos prestados por pessoas que vivenciaram o evento, além de dados obtidos em documentos.

– Não é possível estabelecer padrões temporais para análise dos restos mortais já levados para Brasília (DF), haja vista o avançado estado de degradação com que eles são retirados do solo, o que dificulta a extração de DNA. No entanto, é importante afirmar que o GTA conta com as mais modernas técnicas de identificação humana, e que não poupará esforços para obter êxito nessa missão.

O Ministério da Defesa afirma ainda que o Grupo também refuta as acusações de falta de publicidade das atividades. Ao longo de sua existência, os integrantes do GTA concederam várias entrevistas a veículos nacionais e regionais de comunicação, entre os quais os jornais O Estado de S. Paulo, O Globo, Correio Braziliense, além de agências, sites de notícias e emissoras de TV, a exemplo da Agência Brasil, NBR, Terra e TV Globo.

– A transparência não se restringiu às informações prestadas à imprensa. O Grupo, por meio das assessorias de comunicação dos órgãos que o compõem, veicula regularmente releases e comunicados para outras instituições governamentais e para diversos segmentos sociais com informações referentes ao andamento dos trabalhos. O GTA fará, em breve, a divulgação de novos dados relativos à expedição em curso, a segunda de 2012.

_

http://noticias.r7.com/brasil/noticias/defesa-contesta-queixas-sobre-investigacoes-do-araguaia-20120717.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: