Seminário internacional debate Operação Condor em Porto Alegre | Carta Maior

04/09/2012

Seminário Internacional Operação Condor: Testemunhos e Espaços de Memória será realizado nesta quarta-feira (5), na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, dentro da 22ª Reunião de Altas Autoridades em Direitos humanos do Mercosul. Debate sobre a Condor tratará dos processos de verdade, justiça e reparação sobre crimes de lesa humanidade e trará testemunhos sobre o período. Participarão do debate, entre outros, Maria do Rosário, Ministra da Secretaria de Direitos Humanos, e Victor Abramovich, Secretário Executivo do Instituto de Politicas Públicas de Direitos Humanos, do Mercosul.

Marco Aurélio Weissheimer

Porto Alegre – Desde ontem (3) está ocorrendo em Porto Alegre, a 22ª Reunião de Altas Autoridades em Direitos Humanos do Mercosul (Raadh), na Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul. Até quinta-feira (6), a reunião cumpre uma programação de oficinas, reuniões e seminários sobre temas ligados aos Direitos Humanos. Nesta quarta (5), a partir das 18h30min, será realizado o seminário internacional Operação Condor: Testemunhos e Espaços de Memória, no Teatro Dante Barone, na Assembleia. O seminário será composto por duas mesas.

A primeira delas tratará de “Processos de verdade, justiça e reparação sobre crimes de lesa-humanidade: a importância dos testemunhos”, contará com a presença de Maria do Rosário (Ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República), Macarena Gelman (Filha de desaparecidos e ativista de Direitos Humanos, do Uruguai), Luis Alén (Subsecretário de Proteção de Direitos Humanos, da Argentina), Flávio Tavares (jornalista e escritor), Carlos Frederico Guazzelli (integrante da Comissão Estadual da Verdade, do Rio Grande do Sul), e Carolina Varsky (advogada, do Centro de Estudos Legais e Sociais, da Argentina).

A segunda mesa terá como tema “Operação Condor: Testemunhos e Espaços de Memória” e contará com a presença de Flavio Koutzii (sociólogo, ex-deputado estadual pelo PT/RS e ex-chefe da Casa Civil do governo Olívio Dutra), Suzana Lisboa (da Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos), Enrique Serra Padrós (Historiador, da UFRGS), Raul Ellwanger (músico e compositor), Avelino Capitani (ex-dirigente da Associação de Marinheiros e Fuzileiros Navais, do Brasil) e Victor Abramovich (Secretário-Executivo do Instituto de Políticas Públicas de Direitos Humanos, do Mercosul).

_

http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaMostrar.cfm?materia_id=20826&editoria_id=5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: