Arquivos de Tag: rosa maria cardoso da cunha

Vídeo | Comissão da Verdade confirma cooperação entre países | TV Brasil

26/11/2012

As ditaduras militares da América do Sul atuaram conjuntamente para perseguir, prender e executar militantes políticos de oposição.

Documentos entregues à Comissão da Verdade mostram que Brasil criou e comandou Operação Condor | Agência Brasil

Documentos mostram que Operação Condor continuou após Lei de Anistia | EBC

Continuar Lendo →

Comissões da Verdade nacional e de SP fazem primeira audiência conjunta | Agência Brasil

Continuar Lendo →

Retificação de atestado de óbito de Herzog abre espaço para outros casos, diz CNV | Sul 21

Continuar Lendo →

Quarta reportagem da série revela trabalhos da Comissão da Verdade | TV Brasil

A chamada Operação Condor vai ser investigada pela Comissão Nacional da Verdade. Vão ser analisados casos de militantes desaparecidos, como o gaúcho que lutou ao lado de Che Guevara e sumiu na Bolívia. Veja na última reportagem da série “Operação Condor”.

Comissão da Verdade analisa inquérito sobre morte de JK | Estadão

Continuar Lendo →

Comissão Nacional da Verdade vai buscar informações sobre desaparecidos da Operação Condor | Agência Brasil

Continuar Lendo →

Comissão Nacional da Verdade endossa pedido para que USP reveja decisão que afirma que desaparecida “abandonou função” | CNV

Continuar Lendo →

Comissão Nacional da Verdade inicia parceria com a Comissão Estadual da Verdade do RS | Comissão Nacional da Verdade

Continuar Lendo →

Acordo entre comissão da verdade nacional e de SP põe 140 casos sob investigação | Carta Maior

25/09/2012

Ficou acertado que um acordo de cooperação será firmado na primeira quinzena de outubro. Durante o encontro realizado na capital paulista, a Comissão Estadual entregou à CNV uma lista dos 140 casos de mortes e desaparecimentos ocorridos durante a ditadura miliar.

Da Rerdação*

São Paulo – A Comissão Nacional da Verdade (CNV) e Comissão Estadual da Verdade Rubens Paiva, de São Paulo, atuarão juntas em 140 casos de mortes e desaparecimentos. As bases da cooperação entre os dois colegiados foram firmadas na tarde desta segunda-feira (24). Ficou acertado que um acordo de cooperação será assinado na primeira quinzena de outubro. Continuar Lendo →

Comissão da Verdade vai investigar empresas que financiaram ditadura | O Globo

24/09/2012 | 18h41

Uma consultoria de nome ‘CIA’ será a primeira investigada pelos membros da comissão

Tatiana Farah
SÃO PAULO – A Comissão Nacional da Verdade (CNV) vai investigar empresas e empresários que ajudaram a financiar o aparato de repressão durante o regime militar no Brasil. Integrantes da comissão informaram nesta segunda-feira que a primeira a ser investigada é uma consultoria que atuou em São Paulo nos anos 70, com o nome de CIA, arrecadando recursos entre as grandes empresas para patrocinar órgãos clandestinos como a Operação Bandeirantes (OBan).

Além de buscar os financiadores dos aparelhos de repressão, a comissão pretende mapear e ouvir os militares que foram afastados de suas funções durante o regime militar, em busca de informações sobre os responsáveis por crimes da ditadura. Segundo a comissão, há dificuldade de diálogo com os comandantes das Forças Armadas. A maior parte das requisições da CNV é sucedida por uma resposta padrão dos militares de que os arquivos foram incinerados. Continuar Lendo →

Comissão da Verdade fará reunião em São Paulo para analisar violações cometidas durante a ditadura | Agência Brasil

19/09/2012 | 17h58

Luciana Lima

Repórter da Agência Brasil

Brasília – Os trabalhos da Comissão Nacional da Verdade (CNV) estarão voltados para analisar, na próxima segunda-feira (24), as violações cometidas pelo regime militar (1964-1985), em São Paulo. O colegiado fará uma reunião na capital paulista, onde foram registrados vários episódios de violação dos direitos humanos, principalmente entre os anos 1969 a 1976.

Os integrantes da CNV esperam definir como será a cooperação entre o colegiado e a Comissão Estadual da Verdade Rubens Paiva, instalada na Assembleia Legislativa de São Paulo. Os acordos, no entanto, não serão assinados na reunião. Continuar Lendo →

Sociedade civil pauta a Comissão da Verdade | Brasil de Fato

22/08/2012

Comissão quer apresentar plano de trabalho com base em grupos temáticos

Pedro Rafael Ferreira,
da Brasília (DF)

Índios Waimiri-Atroari foram massacrados durante a ditadura / Foto: Egydio Schwade

“Para que não se esqueça. Para que nunca mais aconteça!”. Sob o lema que inspira a luta política de dezenas de entidades contra os crimes praticados pelo Estado brasileiro na ditadura civil-militar (1964-1985), a Comissão Nacional da Verdade recebeu, no dia 30 de julho, três caixas de requerimentos, informações, documentos e sugestões que serão incorporadas o trabalho de investigação histórica em curso até 2014. A entrega foi feita no Palácio do Planalto, em Brasília, durante a primeira reunião da comissão com as organizações da sociedade civil desde a instituição do grupo oficial, em maio desse ano, por força da Lei 12.528/2011.

“A primeira coisa é acabar com a visão equivocada de que houve dois lados em disputa [durante ditadura]. Não havia dois lados. Quando o Estado se torna tirânico, como foi o caso, a sociedade tem o direito de lutar contra a tirania”, afirmou o consultor Francisco Celso da Silva, representante do Fórum pelo Direito a Memória e a Verdade do Espírito Santo, que reúne fi lhos de desaparecidos políticos, Ordem dos Advogados do Brasil, membros do governo e do Poder Legislativo estaduais. Continuar Lendo →

Comissão da Verdade quer convocar Ustra | Estadão

15/08/2012 | 22h14

Roldão Arruda

A Comissão Nacional da Verdade vai convocar o coronel da reserva Carlos Alberto Brilhante Ustra, para que fale sobre sua atuação à frente do Departamento de Operações e Informações – Centro de Operações de Defesa Interna (DOI-Codi). Ele comandou aquela instituição, vinculada ao 2.º Exército, entre 1970 e 1974, um dos períodos mais duros do regime militar.

A data da convocação do militar deve ser decidida nos próximos dias. Se ele não comparecer, poderá ser acionado pelo Ministério Público Federal, pelo crime de desobediência. Por outro lado, Ustra tem o direito de atender à convocação e não responder às perguntas que lhe forem feitas. Continuar Lendo →

Comissão da Verdade atua em três frentes | Carta Maior

14/08/2012

Comissão Nacional da Verdade começa a engrenar seus trabalhos dividida em três frentes de ação: uma subcomissão de pesquisa, geração e sistematização de documentos; uma subcomissão de relações com a sociedade civil; e uma subcomissão de comunicação. O trabalho de intelectuais auxiliará os estudos de sete subgrupos relacionados à pesquisa de documentos sobre temas como guerrilha do Araguaia, Operação Condor, torturas, desaparecidos e mortes no campo, entre outros.

Rodrigo Otávio

Rio de Janeiro – Ao completar três meses de posse nesta quinta-feira (16), a Comissão Nacional da Verdade começa a engrenar seus trabalhos dividida em três frentes de ação: uma subcomissão de pesquisa, geração e sistematização de documentos; uma subcomissão de relações com a sociedade civil; e uma subcomissão de comunicação. Continuar Lendo →

OAB-RJ vai repassar à Comissão da Verdade dados levantados sobre atuação de órgãos no período da ditadura | Agência Brasil

14/08/2012 | 21h36

Guilherme Jeronymo
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – A Ordem dos Advogados do Brasil Seção Rio de Janeiro (OAB-RJ) vai repassar à Comissão Nacional da Verdade levantamentos e depoimentos coletados desde 2010 pela Comissão de Memória da entidade. Acordo estabelecendo a colaboração foi assinado hoje (14) entre a OAB-RJ e a comissão nacional.

A OAB-RJ tem apurado informações sobre a atuação de órgãos do Poder Judiciário, do Ministério Público e da Justiça militares, durante o período de repressão ocorrido entre 1964 e 1985. “Tudo aquilo que for produzido, os depoimentos e documentos, será remetido à Comissão Nacional da Verdade”, declarou o presidente da OAB/RJ, Wadih Damous. Continuar Lendo →

Comissão Nacional da Verdade se reúne segunda-feira na OAB do Rio | Jornal do Brasil

10/08/2012 | 9h41

A Comissão Nacional da Verdade irá se reunir, nos próximos dias 13 (segunda-feira) e 14 (terça-feira), na sede da Seccional da OAB do Rio, onde fará audiência pública com vítimas, parentes de vítimas e comitês da verdade e mesa redonda sobre a ditadura e sobre os centros de tortura e morte no Rio de Janeiro.

Na ocasião, o presidente da Seccional, Wadih Damous, irá entregar ao coordenador nacional da Comissão, ministro Gilson Dipp, os depoimentos colhidos pela Comissão da Verdade da OAB-RJ e que tratam, especificamente, de arbitrariedades cometidas pela Justiça Militar contra presos políticos. Continuar Lendo →

Trabalho da Comissão da Verdade embasará luta social por Justiça | Carta Maior

30/07/2012

Em audiência pública, membros da Comissão Nacional da Verdade se posicionaram favoráveis à luta social por justiça para as vítimas da ditadura torturadas e assassinadas por agentes de estado. Segundo a advogado Rosa Maria Cardoso, eles não irão polemizar com o STF, que revalidou a Lei da Anistia, mas vão enfatizar o respeito aos tratados internacionais, que exigem a punição de crimes de lesa-humanidade.

Najla Passos

Brasília – A Comissão Nacional da Verdade (CNV) não vai polemizar com o Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a interpretação que o órgão faz da Lei da Anistia, e que impede a penalização dos agentes da ditadura responsáveis por torturas e assassinatos. Mas enfatizará a necessidade do país deve cumprir os tratados internacionais que classificam esses crimes de lesa-humanidade como imprescritíveis. Continuar Lendo →

UnB vai criar comissão para investigar casos da ditadura militar | TV Brasil

17/07/2012 | 8h

A Universidade de Brasília vai criar uma comissão para investigar os desaparecimentos e os casos de repressão na universidade durante a ditadura militar. O objetivo do grupo é colaborar com a comissão nacional da verdade.

_

http://tvbrasil.ebc.com.br/reporterbrasil-manha/episodio/unb-vai-criar-comissao-para-investigar-casos-da-ditadura-militar

%d blogueiros gostam disto: